Trgêmas Helena, Isabel e Micaela

Trgêmas Helena, Isabel e Micaela

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Falando sobre amamentação trigemelar!

Sempre quis fazer um post falando sobre amamentação, mas sabia que daria quase um livro hahahaha...

Minha amiga Juliana Doerner do Portal Gemelares me pediu pra escrever um relato sobre amamentação e foi a deixa pra escrever o tão sonhado post.

Espero que essas dicas sejam muito valiosas pra vocês!!!

Confiram a matéria:

10 Dicas para amamentação de trigêmeas




Xêro!!

sábado, 31 de janeiro de 2015

A nova brinquedoteca

Nós sempre tivemos um quartinho intitulado: quartinho da bagunça kkkk.
Bom, os brinquedos das meninas ficavam espalhados pela casa, e resolvi que faríamos daquele quarto, um espaço pra elas. Pesquisei algumas coisas, li a respeito e o papai tratou de colocar as idéias em prática. Fizemos um estilo montessoriano, onde a criança tem livre acesso a tudo, pois os brinquedos ficam ao alcance delas. Dá mais liberdade para elas, mesmo sendo mais difícil para os papais organizarem rsrsrs


E ficou assim:

Brinquedoteca: Tudo feito com muito amor pelo papai, com os pitacos da mamãe rsrsrs.
As prateleiras foram feitas com madeiras reaproveitadas. Trabalho numa loja de móveis e alguns itens vem protegidos com madeiras na embalagem. Peguei várias dessas e usamos em muitas coisas aqui em casa rsrsrs. 

Esse é o cantinho da leitura. As prateleiras são de canos de PVC cortados ao meio e lixadas. Um cano de 1 metro serviu pra fazer duas prateleiras, que é o suficiente para a quantidade de livros que elas tem hoje. O metro saiu por R$ 7,00.

Essa prateleira também foi feita com as madeiras reaproveitadas. Peguei um cabideiro que comprei por R$ 10,00 que não usava e pendurei. Mais tarde pode servir pra pendurar alguns bichinhos ou outros brinquedos. Pra amarrar a prateleira nós colocamos uma linha de pesca do papai mega resistente. É a parte que elas mais gostaram do quartinho rs.

Bom, aqui o papai usou madeira de tapume pra fazer as mesas. Ele havia comprado pra fazer nossa estante. Sobrou alguns pedaços e deu pra usar. As banquetas foram feitas com as mesmas madeiras das prateleiras. Forrei as cadeirinhas com EVA colorido. Essa madeira de tapume custou R$ 35,00. E olha quanta coisa rendeu rsrsrs. 

Esse cantinho eu coloco os reciclados. São latas vazias, embalagens e caixas que elas adoram brincar. Vou escrever em EVA: Cantinho dos Reciclados rs. Essa cômoda nós já tínhamos. Guardo documentos e as ferramentas do papai. As gavetas são hiper pesadas e elas não conseguem abrir. Mas na portinha lateral deixei pra colocar os brinquedos de montar (as pecinhas de madeira) e as panelinhas que elas amam pra brincar de comidinha... rsrsrs

E ficou assim... Elas estão amando esse cantinho...

Olhem só:

Trigêmeas desenhando na nova brinquedoteca

É muita fofura rs

Micaela pintando o desenhinho do papel

Helena gatinha fazendo seus rabiscos rs

Isa colecionando seus gizes de cera... E ela diz: "É beuuuu" kkkkk


Espero que sirva de inspiração para as mamães... Com muito pouco dinheiro, mas muito amor e carinho, conseguimos montar um espaço que elas estão amando... E o melhor: a bagunça fica concentrada rsrsrs...
Ainda vou criar um teatrinho de fantoche e fazer um fogãozinho de papelão pra cada uma. Idéias que peguei da internet hehehe
Até a próxima!!



Xêro!

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

1 ano e 8 meses hoje!

Minhas princesas estão fazendo 1 aninho e 8 meses hoje gente!! Meooo Deooos como passa rápido.
Elas estão muito espertas. Mas muito mesmoooo. rsrsr

Vou contar pra vocês como foi minha hora do almoço hoje, e assim vocês podem ter idéia de como elas estão:
Cheguei e tinha uma sentada na "caxa" da boneca. As outras duas estavam tentando subir na pilha de caixas de leite na cozinha. Chamei as três pra pintar na parede (já explico) enquanto o papai terminava o almoço.
-Mamãe, dedenha, tó (me entregando o giz)
-O que vocês querem q a mamãe desenhe?
-Au-auuuuu
Lá vai eu com meus super dotes artísticos desenhar um cachorro kkkk. Derrepente tinha três mocinhas me entregando o giz pra eu desenhar. E o que meu Deus? kkk
-Mamãe vai desenhar um Bob Esponja (que é fácil kkk).
-Bobiiii mamãeeeee
E assim foi: Estrelas, números, bolas etc etc etc.
Agora vamos assistir um pouco de TV?
Micaela: - Pocoyo mamãe.
Isa: - Nãoooo, Cocó
Helena: - Cocóooo
Cocó (Galinha Pintadinha) venceu. E elas cantam junto. Terminam todas as frases, imitam os bichinhos, e eu só fico babando.
Ebaaaa, o papá ficou pronto. Vamos lá... Enquanto o papai faz o suco, a mamãe dá uma colherada pra cada uma.
Micaela: - taninha (carne rs)
Aí eu vou e misturo a comida com a carne.
Micaela: - nãoooo, só taninha kkkkk
Posso com isso gente? Já quer escolher o que comer? Hã? kkkk
Depois chega a vez da mamãe e do papai almoçarem. E elas? Escalando a mamãe e o papai, pedindo "maixi papa". Porque comer a comida do papai e da mamãe é beeem melhor kkkk.
A peninha é na hora de sair pra voltar ao trabalho, que as meninas ficam chorando e meu coração fica apertadinho.
Foi mais ou menos 1 hora e 40 min em casa. O suficiente pra sair mil vezes mais cansada do que cheguei hahahaha.

Mas essa fase está uma delícia. Elas já falam tudo. Cantam, dançam, rebolam. Mas também aprenderam a fazer manha, birra... Temos sido muito pacientes com elas e conversado muito. Porque percebemos que quando nos alteramos, elas ficam pior. Eu já tinha essa teoria em mente, mas na prática, vi que realmente funciona. Quanto mais calmos conseguimos lidar com a situação, melhor pra todos.

Sobre pintar a parede, explico: Michel pintou uma parede aqui em casa de cinza escuro. É uma tinta de piso, porque aqui não achamos tinta de quadro negro. Mas ele funciona tão bem quanto e por ser de piso, é bem resistente. Compramos giz pras meninas e agora vocês podem imaginar a festa que está aqui em casa. Essa parede fica na sala e limitamos elas a pintarem apenas essa parede. E elas respeitam, acreditem rs. Olha que show:

Parede pintada de cinza para pintarem com giz

Acho que tá muito legal mamãe!

Olha que pitoquinha linda!

Tem muito espaço pra desenhar.

E agora mais umas fotinhas pra comemorar nosso mesversário:

Indo pra Igreja, Isa tava braba porque queria entrar logo no carro kkkk

Com as bonequinhas que ganharam da Dinda Solange e Silvano

Porque brincar na caixa é bem mais legal mamãe! (Micaela)

Helena

Isabel

Tomando um sorvetinho na Amanga-o do titio Ademar

Limpando a parede. Mamãe pediu!

Bem lavadinho mamãe kkkk

Um beijo da Micaela

Um beijo da Helena

Um beijo da Isabel

E um xêro pra todos!!

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Estamos famosos hihi

Oi amigos, saudades!!

Olha, a correria da nova rotina ainda está em período de adaptação. Então não estou conseguindo achar o tempo que eu gostaria para o blog. Mas agora estarei mais presente porque além do meu blog, de vez em quando farei participações no Gemelares. Vocês conhecem né?

E hoje saiu a primeira matéria, justamente falando sobre a volta ao trabalho. Achei muito interessante falar sobre isso, porque muitas mães se cobram por trabalhar fora ou não. Então quem sabe pode ajudar vcs!!

Segue o link da matéria:

Mãe de trigêmeas: Trabalhar fora ou não?

E só pra não deixar de atualizá-los, que tal umas fotinhas das minhas tri princesas:

Brincando na piscina na casa da vovó!

Será que gostam de água? Tomando banho no chuveiro de fora pra aliviar o calor.

No rio numa tarde de folga! 

Cuidando das plantinhas do vovô hehehe

É muito amor = trigêmeas hihi

Assistindo TV, um pouco largadinhas hahahaha

Visitando a mamãe no trabalho!

Fazendo arte, literalmente, com o papai.

Brincando com o amiguinho Davi.
Vou fazer um post lindo pra falar dessa nova amizade das trigêmeas.

Haaaaaa, peguei vc!!! 

Bjus e mais bjus


quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

E como lidar com a UTI?

Pra variar, sumidinha, mas hoje vim aqui pra falar sobre uma coisa que sempre me atormentou: UTI Neo Natal.

Sempre me pego lembrando dos tempos de UTI e como esses dias foram difíceis pra mim. Resolvi escrever um pouco sobre essas angústias e preparar possíveis mamães de prematuros a saber lidar com tudo isso.

Quando descobri minha gravidez, sempre me preparei para a UTI, pois pelo que havia lido, o risco de parto prematuro era enorme, como de fato foi. Eu cheguei a 33 semanas exatas, o que para trigêmeos é uma vitória. Mas sempre me preparando para a tal UTI. Mas sabe quando NADA te prepara? Pois é... mesmo tendo lindo muito, eu nem imaginava o que passaria.

No dia que elas nasceram, eu as vi ainda no centro cirúrgico e logo elas foram levadas para a UTI. Eu fiquei algum tempo me recuperando da cirurgia e pouco depois fui pro quarto, onde minha mãe e meu marido me esperavam. Não via a hora de ter notícias delas. Nem sei exatamente quanto tempo levou isso, mas pareceu uma eternidade. Assim que vi meu marido já perguntei, e ele disse que estavam todas bem, mas disse que não ia tirar fotos delas daquele jeito. Já imaginei o pior...
Passei muito mal no pós operatório. Desmaiei várias vezes, não conseguia levantar e senti muuuuuuuuuuuita dor. Até pra respirar doia, sério gente, feliz das que fazem cesárea e não sentem nada. Ficava imaginando como eu conseguiria levantar daquela cama pra ver minhas filhas. No dia seguinte ao nascimetno, o Michel perguntou se poderia me levar de cadeira de rodas e autorizaram, porém só até a porta da UTI. Lá dentro eu teria que caminhar. E eu fui, nem sei como consegui forças pra levantar daquela cadeira de tanta dor que sentia, e morrendo de medo de desmaiar pela 44846131 vez. Mas precisava vê-las. Quando entrei, logo de cara já me senti um ET. Coloca capa, máscara, lava mão assim, assado, passa álcool gel. Enfim. Nisso vc já começa a escutar os milhões de pipipipi das máquinas ligadas as caixas de vidro cheias de bebês. Gente é desesperador. Aí vc vê aquele monte de médico, enfermeira (que nessa altura vc nem sabe quem é quem). Ok... O Michel já sabia onde estavam as meninas (estavam todas próximas). Procurei baixar a cabeça e ir direto pra elas, não queria ficar olhando outros bebês e me impressionar mais do que já estava. Aliás, essa é uma dica que eu dou. Foque no que é seu lá dentro, porque é mto sofrimento junto. E fui, caminhando a passos de tartaruga, para o "bercinho" das minhas filhas. Ao chegar, me assustei. A primeira que eu vi foi a Isabel. Lembro que me assustei com a sonda na boca, aqueles montes de fio e a máquina apitando sem parar. Mas como o Michel já tinha ido várias vezes (essa uti era humanizada, então os pais tinham acesso livre a qualquer hora do dia e quantas vezes quisesse, Graças a Deus), ele sabia bem o que era cada coisa, cada apito etc. Foi minha sorte, porque ajudou a me acalmar. Aí ele abriu a caixinha pra que eu pudesse tocar nela. Olhei com cara de susto, tipo: Posso mesmo? Ai toquei nela, gente que alegria tocar na minha filha. Fui de uma em uma tocando e cantando a música Aos olhos do Pai, que cantei durante a gravidez toda pra elas. Nisso a enfermeira veio e perguntou se eu queria fazer o canguru, ou seja, pegar nelas. Gente quase morri. Queria muito mas estava morrendo de medo. Era muito fio, e se algum fio soltasse. Não estava preparada pra isso. Mas fui em frente. Ela ajudou, abriu minha camisola e encaixou a Isabel no meu colo. Que sensação maravilhosa meu Deus. Não consigo nem descrever pra vcs... Ela era minha finalmente. Tentei amamentar, sem forçar nada porque ela não podia se esforçar muito pra não perder peso. Mas tentei... Ela tinha a boquinha tão minuscula que nao conseguia abocanhar e muito menos saber o que fazer rsrsrs... Mas eu pude senti-la, pude cheirá-la. Depois foi a vez da Micaela. Neste dia só não peguei a Helena, porque ela estava no colo do papai, aí achamos melhor ela não ficar passando de colo em colo. Mas no dia seguinte ela veio pro meu colinho tbem, feito uma princesinha.
Depois desse primeiro impacto, os outros dias foram menos piores. pois já sabia o que fazer. Passava a maior parte do tempo lá dentro da UTI. Saia pra dormir, comer, tomar banho e tirar leite. E só. Lembro do dia que entrei lá e a Helena estava chorando muito. Escutei o choro dela da porta. Quando cheguei perto da incubadora, escorria lágrimas dos olhos dela. Ai que dó meu Deus. Chorei junto. Porque ela parecia tão sozinha. Peguei no colo e chorei muito... Por isso que eu digo, só quem passa por isso consegue saber como é dolorido.
Foram "apenas" 5 dias de UTI e todas tiveram alta pro quarto do canguru pra ganhar peso. E quando achei que tinha me livrado daquela sala, a Micaela tem uma crise de apneia e precisa voltar urgente pra UTI. Pegou uma infecção generalizada, não me deixaram entrar na UTI por um bom tempo porque ela teve mais 3 crises de apneia depois que entrou lá. Gente, que dor. Achei que ia perder minha filha e sem poder vê-la então. E tive que tirar forças pra poder cuidar das outras duas que precisavam da minha atenção da mesma forma. Quando pude vê-la, foi um retrocesso. Foi a vez que senti mais medo de perder uma das minhas filhas. Mas Graças a Deus, foi apenas mais 6 dias de UTI para estar novamente com as irmãs. E ficou tão bem que na própria UTI tiraram a sonda e ela aprendeu a mamar direitinho na mamãe. O maior problema foi me dividir dessa forma entre UTI e quarto... Mas tudo valeu a pena. Cada esforço, cada lágrima.
Ser mãe de UTI não é fácil. E nunca vai ser... Agradeço de coração a todos os profissionais que tornaram minha jornada (24 dias no total) dentro do hospital e me ajudaram a sair vitoriosa com as minhas 3 bençãos. Só tenho a agradecer a Deus por tudo.

 Não vou demorar tanto pra postar notícias ok!

Bjus grandes pra todos!

Isabel

Micaela

Helena

Evolução das trigêmeas



quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Mamãe voltou a trabalhar!

Oiiiii, to aqui!!!!

Gente, sabe aquele mísero tempinho que eu tinha? Ta ainda menor rsrsrs.
Voltei a ativa, estou trabalhando novamente.
Foi algo inesperado, mas me deixou muuuito feliz, pois vou trabalhar novamente na minha área.
A empresa que vou trabalhar é um grupo. Vou trabalhar na parte de mídia digital, cuidando de toda a parte de redes sociais, site etc. Pense numa pessoa feliz???
Quem conhecer?
Cliquem aqui: Atacadão Vieira e Vieira Motos Shineray. Aproveitem e curtam a página (sim, sou pidona mesmo rs).

Aí veio a saga (ainda sem final) pra saber o que eu fazia com as meninas. Tentei novamente a escola. Mas juro, não rolou. E olha que não sou mãe super protetora viu, antes que vocês pensem isso. Mas aqui as escolas só pegam depois de 1 ano e meio. Só que a maioria das mães só coloca depois dos dois anos. Questão cultural mesmo. Então a sala onde elas iam ficar, a maioria das crianças já estava grandinha. 6 meses pra um bebê faz muita diferença. As minhas recém começaram a andar, são muito inocentes ainda. Aí não consegui sentir segurança em deixá-las. Minha mãe, então, se dispôs a ficar com elas. Aí fui atrás de babá pra ajudá-la, e quem disse que consigo? Quando digo que são trigêmeas o povo corre. Acreditam?

Mas sei que vou encontrar uma pessoa muito boa pra ajudar minha mãe com as meninas...

Falando nelas, estão gatíssimas, amando ficar na vovó, tanto que nem querem ir pra casa comigo rsrsrs. Olhem as novidades:

Assistindo Peppa na rede, ôoo delícia rs

Se refrescando na nova piscininha que o vovô deu! A outra já estava
muito pequena rsrsrs. 
Helena, Micaela e Isabel... minhas trigêmeas lindas!

Indo cumprir com nosso dever cívico!! Votar é importante mamãe!


Denguinho... Isabel adora chamegar as irmãs. 

Assistindo Peppa. Paralisam rsrsrs

Que tal poder brincar na rua no final da tarde? Só aqui mamãe!


Bom gente, hoje só passei mesmo pra contar essa novidade e pedir pra vocês nos acompanharem nessa nova etapa!!!

Um xêro!!



sábado, 20 de setembro de 2014

E o assunto é: de tudo um pouco!

Tá, tá... eu sei que prometi voltar com força total, maaaas, adivinhem??? Meu celular está "respirando por aparelhos" e não to mais conseguindo postar com ele. Nem foto tira mais, ahhh, que saquinho viu... Mas mesmo assim não vou abandonar o blog... Quando der eu posto, seja de onde for rsrsrs...

Bom, primeira coisa que quero contar pra vcs é sobre a Micaela. A dois meses atras aconteceu uma coisa com ela e quero compartilhar pra que vcs saibam como agir caso aconteça com vcs. Ela bateu a boquinha na estante da sala, até aí super normal pra idade. Saiu sangue, ela chorou, mas logo passou. O problema é que depois disso, percebi que tinha ficado uma feridinha, parecida com uma afta. A pediatra disse que não era afta, e sim resultado de algum machucado. Logo lembrei da queda e me tranquilizei. Segundo ela, ia sarar sozinho mesmo e eu não devia me preocupar. Maaaas, não foi bem assim. A feridinha começou a crescer, ficou parecendo uma bolha, mas da cor da boca mesmo. Tentei passar nistatina, mas também não resolveu. A pediatra achava que eu devia procurar um dermatologista, mas aqui é difícil né... Ai resolvi procurar no google, se achava alguma coisa parecida, e descobri uma doença chamada mucocele. E descobri que deveria levá-la num dentista. Foi o que fiz. Mas chegando lá ele me disse que podia ser isso ou apenas um fibroma, formado tbem por uma pancada. E pra tirar só com cirurgia. A anestesia foi local e tive que segurá-la pra fazer o procedimento. Aiiiin, como sofri gente. Vcs não tem noção do quanto ela chorava, Judiação da minha  pequenininha. Mas graças a Deus deu tudo certo e o material foi enviado pra biópsia. Ainda não pegamos o resultado, mas o dentista nos deixou tranquilos, pois disse que independente do que seja, não é nada preocupante. Depois de tirar, ele disse que achava mais provável ser um fibroma mesmo, pois a mucocele é um problema nas glandulas salivares, e essa bolha que se forma, é de saliva. Ao retirar, ela estouraria, e não foi o que aconteceu. Nesse caso, é até melhor que seja fibroma mesmo, pois a mucocele tem uma tendência a voltar. Enfim, uma coisinha boba mas que se agravou. Infelizmente eu não tirei nenhuma foto pra poder mostrar pra vcs. Mas acho que pela descrição já dá pra ter uma noção...
Ainda sobre a Micaela, lembram do probleminha do nariz? Ele ainda existe rsrss... Mas agora, as meninas ganharam plano de saúde do vovô e da vovó, e ela finalmente fez a ressonância. Ainda não conseguimos levar o resultado pro médico, porque é muuuito difícil conseguir consulta com ele. Mas se Deus quiser agora vamos resolver mais esse probleminha...
Isabel parou o tratamento com o propanolol porque não consegui mais levá-la na médica e fiquei com medo de continuar dando o remédio. Agora estou tentando achar algum outro médico que atenda pela Unimed pra dar continuidade no tratamento, pois a médica que atendia ela, não atende. Inclusive, se alguém souber pra indicar, eu agradeço!

Bom, agora falando das novidades, minhas três mocinhas estão andando, heeeee!!! Micaela foi a primeira, começou a andar dia 20/08. Helena foi a segunda, no dia 07/09 e Isabel não queria ficar pra trás e já no dia 09/09 começou a andar tbem (no dia do niver do padrinho hehe). Foi no tempo delas, na hora delas. Sem pressa e sem pressão. E isso foi ótimo pra elas, porque já começaram correndo rsrsrs... Andam super bem, sem medo... E é a coisa mais linda desse mundo rsrsrs (mãe babona é pouco né rsrsrs). Me faziam um medo enorme, porque diziam que quando começassem a andar eu estaria ferrada, mas gentemmmm, tá sendo a melhor coisa... Elas estão mais independentes (mais do que já eram) e não machucam mais o joelhinho na calçada kkkkk... Já to até pensando em me aventurar no mercado sozinha com as 3 kkkk... Sério mesmo, pra mim, tá sendo muito boa essa nova fase. Ahhh, e só pra não deixar por menos, Isabel foi a última a andar, mas a primeira a conseguir se levantar sem apoio hahahaha... é uma fofa essa minha filha... Levanta sozinha e fica olhando pra gente pra levar elogio. hahahah...

Brincam de roda cutia juntas agora. Pode isso???? Esconde-esconde, pega-pega... é lindoooo de ver essa interação entre elas. Eu me emociono toda vez que vejo.

Eu tentei coloca-las na escolinha, mas aqui só pegam com um ano e meio. Mesmo assim tentei levar pra fazer adaptação, mas não consegui rsrsrs... elas eram muito pequenas perto dos outros da turma e fiquei com dózinha... Ia colocar pra ter a manhã livre pra resolver minhas coisas, limpar a casa etc, mas fica pra mais tarde...

Aí resolvi inventar mais atividades pra fazer com elas em casa. Comprei papel (daqueles grandes), lapis de cor, canetinha, tinta guache, giz de cera e de vez em quando fazemos "arte". Gente, e vcs não acreditam que elas amammmmm. O papai desenhava algumas coisas e elas pegavam o giz de cera e pintavam beeeem certinho dentro do desenho. Ta aí a foto pra comprovar rs... Não faço isso todo dia, pra não enjoarem, mas achei super boa a idéia.




Comprei tbem uma pecinhas de madeira de montar. Não tem encaixe, vc só vai colocando umas por cima das outras pra montar casinhas. Eu tinha quando era pequena e amava. E elas tbem amaram rsrsrs... A gente senta na sala e fica horas brincando. No começo elas não sabiam direito o que fazer com as peças. Jogavam pra cima kkkk... Aí comecei a montar na frente delas. Aí elas adoravam destruir rsrsrs... Agora já montam. Micaela adora as pecinhas quadradas. Vai empilhando formando uma torre. Isabel e Helena adoram as redondinhas rsrsrs... Nas fotos faltou a Isa, mas ela estava mimindo rsrrsr

Micaela e as pecinhas quadradas

Helena e as pecinhas redondinhas


E assim nós vamos achando coisas pra brincar juntas rsrsrs... Mamãe ama viu... Adoro brincar com elas, ver essa evolução. Passo horas olhando elas brincarem, e fico encantada...

A rotina delas está tranquila. Acordam 6h, mama no berço mesmo e dormem novamente até umas 8:30/9h. Acordam, lancham (pãozinho com ricota, bolinho, biscoitinho e suco), 12h almoçam e depois vem o banho e soneca. Dormem até umas 2, 2:30h. Dou uma vitamina de fruta ou iogurte as 15, as 16:30 uma frutinha e as 19 mamadeira, mais um banho e cama. Elas dormem por volta das 20, 20:30h. Aí dou uma mamadeira lá pelas 22h com elas dormindo mesmo. Normalmente vão até o dia seguinte. Tem alguns dias que elas acordam de madrugada, mas é só colocar a chupeta que voltam a dormir. Mamadeira de madrugada na na ni na não rs...
Eu tinha prometido falar sobre o aniversário de um aninho delas, então vou colocar as fotinhos e vou explicando tudo que fizemos nas legendas ok!!!
Espero que gostem!!!

Mesa dos bolos. Usamos um tecido de TNT florido atras da mesa, uma toalha de flores bem simples na mesa e enfeitamos com docinhos. Tudooo feito pela minha mãezinha. Inclusive os bolos. A pasta que cobre o bolo foi feita por uma amiga nossa (Patricia), e a decoração com as flores e o laço foi minha mãe. 


O tema foi: flores, e usamos as cores dos brincos pra definir o bolo de cada uma, bem como toda a decoração.
Vermelho: Micaela
Azul: Helena
Rosa: Isabel

Como eu convidei bastante gente e não tinha muita noção de quantos viriam, resolvi fazer os doces e pedir para os convidados trazerem o salgado. Todo mundo ajudou e essa foi a mesa que separamos pra colocar. De enfeite, usamos os potinhos de papinha com pedrinhas brancas e uma rosinha feita de fita de cetim, ficou lindo né?

Usamos mesas de plastico mesmo e unimos todas, pra ficar um "mesão", assim os convidados poderiam interagir melhor. Ficou muito bacana. 

Bolo  com decoração vermelha da Micaela

Bolo com decoração azul da Helena

Bolo com decoração rosa da Isabel

Os enfeites das mesas foram as latas de leite com laço de fita de cetim nas cores vermelha, azul e rosa, com flores feitas de bala de goma, ficou uma fofura e os convidados podiam levar embora.


Lembrancinhas para as crianças, comprei essas caixinhas prontas nas cores da decoração, a madrinha colocou as bexigas e enchemos com docinhos e balinhas.

Vcs imaginam como é difícil tirar foto das 3 ao mesmo tempo né?
Todas com vestido igual, mas as faixinhas de cabelo nas cores dos brincos e da decoração.

A madrinha Leni fez vários baleiros e bomboniers e usamos esse carrinho de mão pra colocar. Enchemos de bexiga dentro.
Achei um charme. 


A hora do parabéns.

Papai e mamãe com as trigêmeas no parabéns!!!

Os presentes!! Muitossss, graças a Deus hehehe

 Pessoal, outra coisa. Vou lembrá-los que criei uma fanpage no Facebook para o blog e lá fica muito mais fácil compartilhar fotos e vídeos, inclusive coloquei os vídeos das meninas aprendendo a andar lá. Curtam nossa página e acompanhem mais detalhes do nosso dia a dia ok!!. Para curtir, clique AQUI.
Acho que por hj é isso (só isso hahahahah). Ahhh, to preparando um post beeem bacana sobre amamentação gemelar. Acho que vcs vão adorar...

Bjus amores!!! Até qualquer dia!!